'O espanto originário': A poesia por Iacyr Freitas e Fernando Fiorese

Maria Lúcia Outeiro FERNANDES, Paulo ANDRADE

Resumo


Nesta entrevista, ressaltamos a amizade poética entre dois mineiros que vivem em Juiz de Fora, cujas obras vêm ganhando significativo espaço na poesia brasileira contemporânea. Nascidos em 1963, Fernando Fábio Fiorese Furtado, natural de Pirapetinga, e Iacyr Anderson Freitas, de Patrocínio do Muriaé, iniciaram suas atividades literárias nos anos 1980, em meio a um grupo de poetas, escritores, artistas plásticos e fotógrafos, de expressiva atuação. Dessa parceria afetiva e poética também participa Edimilson de Almeida Pereira, com quem os dois publicaram, em 2000, Dançar o nome, antologia bilíngue (português/castelhano), acompanhada de um CD com a leitura dos poemas pelos próprios autores.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.25094/rtp.2012n12a88

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia

Indexado nas seguintes bases bibliográficas:

Periódicos Capes  Latindex  Diadorim  Abec  Google Acadêmico  Sumários.Org  LivRe  DOAJ   Clase