Ilustrado com texto: um estudo sobre Aniki Bóbó, de Aloisio Magalhães e João Cabral de Melo Neto

Fábio José Santos de Oliveira

Resumo


Em 1958, o artista Aloisio Magalhães lançou em parceria com o poeta João Cabral de Melo Neto, seu primo, uma obra que ficaria por muito tempo desconhecida do público em geral. Trata-se de Aniki Bóbó. O objetivo deste ensaio é analisar essa obra cabralina pouco abordada e verificar como se realiza nela o diálogo entre poesia e imagem visual, aspecto central de sua composição.


Palavras-chave


Literatura e outras Artes; João Cabral de Melo Neto; Aloisio Magalhães; Aniki Bóbó.

Texto completo:

PDF

Referências


ANIKI BÓBÓ. Direção: Manoel de Oliveira. Produção: Manoel de Oliveira e António Lopes Ribeiro. 1942. 1 vídeo (68min).

ATHAYDE, Félix. Idéias fixas de João Cabral de Melo Neto. Rio de Janeiro: Nova Fronteira; Mogi das Cruzes/SP: Universidade de Mogi das Cruzes; 1998.

BONAN, Amanda (org.). O Gráfico Amador: catálogo de exposição realizada na Caixa Cultural São Paulo (13 de maio a 23 de julho de 2017). Rio de Janeiro: Circuito, 2017.

CADERNOS de Literatura Brasileira. João Cabral de Melo Neto. Vol. 1. São Paulo: Instituto Moreira Sales, 1998.

ECO, Umberto. Obra aberta: Forma e indeterminação nas poéticas contemporâneas. Trad. Giovanni Cutolo. 8 ed. São Perspectiva, 1991.

LEITE, João de Souza. Aloisio Magalhães: noventa anos do designer a serviço do país. Continente, Recife, ed. 203, nov., 2017.

MAGALHÃES, Aloisio; MELO NETO, João Cabral de. Aniki Bóbó. Org. Valéria Lamego. Rio de Janeiro: Verso Brasil, 2016.

_______. Pregão turístico do Recife: uma homenagem ao poeta João Cabral de Melo Neto. Recife: O Gráfico Amador, 1955.

MELO, José Laurenio de. As conversações noturnas. Ilustr. Aloisio Magalhães. Recife: O Gráfico Amador, 1954.

MELO NETO, João Cabral de. Serial e antes. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997a.

_______. A educação pela pedra e depois. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997b.

_______. Prosa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997c.

OLIVEIRA, Fábio de. O sim e o desagrado: oposições na poesia de João Cabral de Melo Neto. Texto Poético, Goiânia, v. 14, n. 25, p. 504-524, jul.-dez., 2018.

OLIVEIRA, Mariana. Aloisio Magalhães: uma vida dedicada à visualidade. Continente, Recife, ed. 154, p. 82-85, out., 2013.

SECCHIN, Antonio Carlos. A poesia do menos. São Paulo/ Brasília: Duas Cidades/ INL, 1985.




DOI: http://dx.doi.org/10.25094/rtp.2020n31a708

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia

Indexado nas seguintes bases bibliográficas:

Periódicos Capes  Latindex  Diadorim  Abec  Google Acadêmico  Sumários.Org  LivRe  DOAJ   Clase